Quinta, 26 de Novembro de 2020 20:20
63 98500-8112
Eleições 2020 ELEIÇÕES 2020

Dos 139 municípios do TO, 20 elegem mulheres para comandar as prefeituras

A maioria tem ensino superior completo. Número caiu em relação às eleições de 2016, quando 24 cidades elegeram mulheres para ocupar o cargo do Poder Executivo.

16/11/2020 13h57
412
Por: Alessandro Ferreira
Divulgação
Divulgação

Dos 139 municípios do Tocantins, apenas 20 elegeram mulheres para comandar prefeituras municipais pelos próximos quatro anos. O número representa 14% do total das cidades.

O número diminuiu se comparado com as eleições de 2016, quando 24 mulheres foram eleitas para ocupar o cargo do Poder Executivo Municipal, uma porcentagem de 17,2%.

Conforme as informações disponibilizadas pelo TSE, 17 das eleitas têm ensino superior completo. Os bens declarados podem chegar a R$ 12 milhões. (Veja abaixo a relação)

Ainda segundo os dados, na grande maioria dos municípios, as mulheres disputaram as eleições com homens. Um exemplo é Santa Fé do Araguaia. Vicença Lino (Solidariedade) disputou com quatro homens e obteve 46,77% dos votos. Foram 1.861 votos no total. O segundo colocado foi Marcio Capivara, com 34,51%.

Apenas em uma cidade, a disputa foi totalmente feminina. Isso aconteceu em Caseara, onde Ildislene Santana (DEM) recebeu 2.216 votos e foi reeleita com 76,33%. A segunda colocada é Mazinha Sulemar (PP), que obteve 23,67% (687 votos).

Veja a relação das 20 eleitas

1 – Barra do Ouro - Nelida Miranda Cavalcante, do PV, foi eleita, com 50,55% (1.520) dos votos. A segunda colocada Lena Oliveira obteve 43,50% dos votos válidos. Nelida tem 42 anos, é casada, tem superior completo e declara ao TSE a ocupação de administradora. Ela tem um patrimônio declarado de R$ 700.000,00. Veja mais sobre as eleições no município.

2 – Buriti do Tocantins - Lucilene, do Solidariedade, ficou em primeiro lugar ao obter 57,36% (2.826) dos votos. A candidata derrotou Borjão, que ficou em segundo lugar com 42,64% (2.101 votos). A vencedora tem 49 anos, é casada, tem ensino médio completo e declara ao TSE a ocupação de servidora pública estadual. Ela tem um patrimônio declarado de R$ 830.000,00.

3 – Caseara - A atual prefeita Ildislene Santana, do DEM, foi reeleita, com 76,33% (2.216) dos votos. A candidata derrotou Mazinha Sulemar, que ficou em segundo lugar com 23,67% (687 votos). Ildislene tem 47 anos, é casada, tem superior completo e declara ao TSE a ocupação de prefeita. Ela tem um patrimônio declarado de R$ 140.000,00.

4 – Crixás do Tocantins - Flávia do Leitoa, do Solidariedade, venceu com 50,85% (715) dos votos. A candidata derrotou Crentão, que ficou em segundo lugar com 40,40% (568 votos). Flávia tem 34 anos, é casada, tem superior completo e declara ao TSE a ocupação de assistente social. Ela tem um patrimônio declarado de R$ 52.000,00.

5 – Figueirópolis - Jakeline, do MDB, foi eleita, com 54,89% (1.947) dos votos. A candidata derrotou Fontoura, que ficou em segundo lugar com 45,11% (1.600 votos). A prefeita eleita tem 41 anos, é casada, tem superior completo e declara ao TSE a ocupação de enfermeira. Ela tem um patrimônio declarado de R$ 366.000,00.

6 – Goianorte - Nega, do Solidariedade, foi eleita, com 51,26% (1.897) dos votos. A candidata derrotou Jose Otacilio, que ficou em segundo lugar com 48,74% (1.804 votos). Nega tem 46 anos, é casada, tem superior completo e declara ao TSE a ocupação de empresária. Ela tem um patrimônio declarado de R$ 1.448.000,00.

7 – Guaraí - Fatima Coelho, do DEM, foi eleita, com 54,08% (6.476) dos votos. A candidata derrotou Saboinha Júnior, que ficou em segundo lugar com 45,92% (5.498 votos). Fatima, tem 57 anos, é casada, tem superior completo e declara ao TSE a ocupação de vereadora. Ela tem um patrimônio declarado de R$ 2.435.000,00.

8 – Gurupi - Josi Nunes (PROS) foi eleita com 51,05% votos (2.116). Ela derrotou Gutierres Toquarto (PSB), que ficou em segundo lugar com 43,29% (17.059). Josi Nunes, tem ensino superior completo, é divorciada e tem dois filhos. Na carreira política já exerceu os cargos de deputada estadual por quatro mandatos, entre 1999 e 2015 e também o de deputada federal entre 2015 e 2019. Ela havia concorrido à reeleição em 2018, mas não conseguiu ser reconduzida ao cargo. O patrimônio declarado é de um patrimônio de R$ 1.156.000,00.

9 – Itacajá - Aparecida, do PSC, foi eleita, com 62,08% dos votos (2.587). A candidata derrotou Clayton, que ficou em segundo lugar com 37,92% (1.580 votos). Aparecida tem 56 anos, é casada, tem superior completo e declara ao TSE a ocupação de servidora público estadual. Ela tem um patrimônio declarado de R$ 600.000,00.

10 – Itaguatins - Ivoneide Barreto, do PL, foi eleita, com 46,64% dos votos (1.602). A candidata derrotou Janiel Souza, que ficou em segundo lugar com 40,58% (1.394 votos). Ivoneide, tem 66 anos, é casada, tem superior completo e declara ao TSE a ocupação de prefeita. Ela não declara nenhum bem como patrimônio.

11 – Jaú do Tocantins - Luciene Araujo, do PSD, foi eleita, com 43,36% dos votos (1.009). A candidata derrotou Renato Gama, que ficou em segundo lugar com 42,63% (992 votos). Luciene Araujo tem 45 anos, é divorciada, tem superior completo e declara ao TSE a ocupação de servidora pública municipal. Ela tem um patrimônio declarado de R$ 150.000,00.

12 – Lizarda - Professora Sussu, do DEM, foi eleita, com 50,20% dos votos (1.238). A candidata derrotou Deusimar Ribeiro , que ficou em segundo lugar com 49,80% (1.228 votos). Sussu tem 57 anos, é casada, tem superior completo e declara ao TSE a ocupação de prefeita. Ela tem um patrimônio declarado de R$ 326.000,00.

13 – Miracema do Tocantins - Camila Fernandes, do MDB, foi eleita, com 53,10% dos votos (5.834). A candidata derrotou Saulo Milhomem, que ficou em segundo lugar com 38,20% (4.197 votos). Camila tem 39 anos, é viúva, tem superior completo e declara ao TSE a ocupação de funcionária pública. Ela tem um patrimônio declarado de R$ 673.700,00.

14 – Monte Santo do Tocantins - Enfermeira Nezita, do PSL, foi eleita, com 54,82% dos votos (1.057). A candidata derrotou Cléo, que ficou em segundo lugar com 44,24% (853 votos). Nezita tem 54 anos, é divorciada, tem superior completo e declara ao TSE a ocupação de servidora pública estadual. Ela tem um patrimônio declarado de R$ 165.101,17.

15 – Novo Acordo - A Professora Deusany, do DEM, foi eleita com 48,36% dos votos (1.491). A candidata derrotou Mateus Coelho, que ficou em segundo lugar com 40,06% (1.235 votos). Professora Deusany tem 62 anos, é solteira, tem superior completo e declara ao TSE a ocupação de servidora público civil aposentado. Ela tem um patrimônio declarado de R$ 410.000,00.

16 – Palmas - A atual prefeita de Palmas, Cinthia Ribeiro (PSDB), foi reeleita para o segundo mandato com 36,24% dos votos (46.243). O segundo colocado na eleição foi o Professor Júnior Geo, do PROS, com 14,52%. Cinthia Ribeiro tem 43 anos, tem ensino superior completo. Em sua carreira política foi candidata à vice-governadora na eleição de 2014 na chapa de Ataídes Oliveira, mas não se elegeu. Cinthia declara ao Tribunal Superior Eleitoral a profissão de fonoaudióloga e um patrimônio de R$ 2.250.570,66.

17 – Rio da Conceição - Edinalva Oliveira, do PT, foi eleita, com 51,12% dos votos (891). A candidata derrotou Ribamar Gomes, que ficou em segundo lugar com 48,88% (852 votos). Edinalva Oliveira tem 53 anos, é casada, tem superior completo e declara ao TSE a ocupação de assistente social. Ela tem um patrimônio declarado de R$ 12.890.000,00.

18 – Santa Fé do Araguaia - Vicença Lino, do Solidariedade, venceu com 46,77% dos votos (1.861). A candidata derrotou Marcio Capivara, que ficou em segundo lugar com 34,51% (1.373 votos). Vicença, tem 41 anos, é casada, tem superior completo e declara ao TSE a ocupação de assistente social. Ela não declara nenhum bem como patrimônio.

19 – Santa Rita do Tocantins - Neguinha do Restaurante, do DEM, foi eleita, com 50,40% dos votos (889). A candidata derrotou Vittor Contador, que ficou em segundo lugar com 49,60% (875 votos). Neguinha, tem 54 anos, é divorciada, tem ensino fundamental incompleto e declara ao TSE a ocupação de prefeita. Ela tem um patrimônio declarado de R$ 503.080,22.

20 – Xambioá - Patricia Evelin, do DEM, foi eleita com 43,15% dos votos ( 2.812). A candidata derrotou Igor Leite, que ficou em segundo lugar com 39,42% (2.569 votos). Patricia Evelin tem 47 anos, é casada, tem ensino fundamental completo e declara ao TSE a ocupação de pedagoga. Ela não declara nenhum bem como patrimônio.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Palmas - TO
Atualizado às 20h06 - Fonte: Climatempo
30°
Nuvens esparsas

Mín. 23° Máx. 35°

31° Sensação
9 km/h Vento
49% Umidade do ar
90% (5mm) Chance de chuva
Amanhã (27/11)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 22° Máx. 36°

Sol, pancadas de chuva e trovoadas.
Sábado (28/11)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 23° Máx. 35°

Sol com algumas nuvens