Saturday, 25 de September de 2021
24°

Trovoada e chuva

Palmas - TO

Especiais 15 ANOS

Menina ganha festa de 15 anos em casa de acolhimento em Araguaína

Dia de debutante teve direito a bolo, maquiagem, roupas, almoço especial e chamadas de vídeo com familiares, além de ensaio fotográfico na Via Lago

21/06/2021 às 15h53
Por: Alessandro Ferreira
Compartilhe:
Menina ganha festa de 15 anos em casa de acolhimento em Araguaína

"O acolhimento na casa me fez repensar a minha história de vida. Eu estava sufocada lá fora". O relato emocionante é de K.B.S., após ser homenageada com uma festa de 15 anos organizada pela Casa de Acolhimento Ana Caroline Tenório, mantida pela Prefeitura em Araguaína. O local é onde a adolescente está acolhida desde outubro do ano passado, quando foi rejeitada pela família após envolvimento com bebida alcoólica.

A festa

A menina completou 15 anos no último dia 3 de junho. Na ocasião, as equipes da Casa Ana Caroline Tenório Lima e Casa Lar, proporcionaram para a garota momentos de beleza, com manicure e pedicure, sobrancelhas, cabelo e maquilagem; almoço com cardápio especial; e a festa com momento dos parabéns e devocional de agradecimento pela vida da acolhida, com bolo e doces, além de preparar vídeochamadas para contato com familiares.

Logo após, ela teve um ensaio fotográfico na Via Lago, um dos cartões postais da cidade. "A homenagem foi especial, fiquei muito feliz, não esperava, nunca tive uma festa assim, eu amei tudo, foi um dia muito maravilhoso, gostei demais" declarou a aniversariante.

Elevando a autoestima

Segundo a coordenadora da Casa de Acolhimento Ana Caroline, Giliana Zeferino, a data de aniversário é sempre um momento especial até para contribuir com a autoestima dos acolhidos. 

"Nessas datas comemorativas, todos participam com a equipe, na escolha de cada detalhe, do bolo, cores usadas na decoração, vestidos, e demais detalhes, tornando ainda mais marcante o momento em suas vidas e dando a eles um pouco de autonomia".

Ainda de acordo com a coordenadora, a rotina normal da Casa sem pandemia, inclui o convívio com a família, com visitas diárias aos filhos nas Instituições. "Os aniversários contam com a presença da família, eternizando na memória da criança e do adolescente o momento e fortalecendo os vínculos entre eles e a família, sendo essencial principalmente nos casos que há possibilidades de reintegração familiar".

História de superação

De família piauiense da cidade de Paes Landim, K.B.S é mais uma adolescente que enfrentou problemas relacionados ao vício em bebida alcoólica em sua família. Ela relata que chegou a consumir por várias vezes por meio da influência do padrasto, e que isso foi motivo de muita rejeição pela família e vizinhos. "Fui muito rejeitada pela família e pelos vizinhos pelo uso de bebidas alcóolicas, mas depois eu me recuperei graças ao Conselho Tutelar que me encaminhou para onde moro atualmente".

Intervenção do Conselho Tutelar e acolhimento

Em 2016, após sua mãe sofrer um acidente no Piauí, a família resolveu voltar para Araguaína, ocasião em que teve os momentos de envolvimento com a bebida e a rejeição em família e vizinhos.

Em outubro de 2020, o Conselho Tutelar fez intervenção por várias vezes e encaminhou a adolescente para a casa de acolhimento, onde convive tem uma rotina, estuda e projeta planos para impressionar a família no futuro. "Espero terminar meus estudos e orgulhar minha família".

Referência em acolhimento

A Casa de Acolhimento Ana Caroline Tenório Lima, fundada no dia 26 de maio de 2008, tem como principal objetivo acolher crianças e adolescentes de 0 a 18 anos incompletos, os quais por algum motivo encontram-se em situação de risco e vulnerabilidade social e precisam ter seus direitos assegurados.

As duas unidades, Casa Ana Caroline Tenório e Casa Lar, prestam serviços de alta complexidade com mais de 608 reintegrações familiares.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.