Saturday, 16 de October de 2021
26°

Nuvens esparsas

Palmas - TO

Cidades OBRAS NA CIDADE

Sede do Núcleo de Atendimento Integrado de Palmas começa a receber instalações elétricas

Seisp informa que mais de 60% da obra já foi executada; núcleo será serviço inédito e especializado na acolhida, acompanhamento e direcionamento de adolescentes em conflito com a lei

09/09/2021 às 17h31
Por: Nathaly Guimarães Fonte: SECOM / Palmas TO
Compartilhe:
Divulgação / SECOM Palmas - Foto: Luciana Pires
Divulgação / SECOM Palmas - Foto: Luciana Pires

Estão em andamento serviços avançados referentes às instalações elétricas e hidrossanitárias e também de acabamento em blocos da obra do futuro Núcleo de Atendimento Integrado (NAI) de Palmas, nesta quinta-feira, 09. A sede do NAI está sendo erguida na Avenida NS-02, Quadra ACSE 80 (802 Sul).

Segundo a Secretaria de Infraestrutura e Serviços Públicos (Seisp), 65,88% da obra já foram executados. No momento, está em andamento a passagem de cabos elétricos, reboco, requadro, montagem dos fundos das vigas, concretagem dos pilares da passarela, escavação de valas para passagem de tubulações de esgoto, polimento de piso e instalação de portais.

O NAI será um serviço inédito no Tocantins especializado na acolhida, no acompanhamento e no direcionamento de adolescentes em conflito com a lei. A previsão de entrega da estrutura é até o final deste ano.

O projeto da obra inclui quatro blocos com espaços planejados para acolhida de adolescentes em conflito com a lei e seus familiares, salas de espera, salas para atendimento técnico que envolva serviço social, de Justiça, psicologia e saúde, dormitórios provisórios, refeitórios e auditório.

Entenda

O principal benefício de um espaço centralizado de acolhimento e atendimento de menores em conflito com a lei está no atendimento ágil e abrangente ao adolescente e às familiares com auxílio de serviços parceiros necessários à completa assistência ao adolescente e sua família em espaços curtos de tempo para respostas essenciais.

O futuro NAI prestará atendimento especializado e articulado em ambiente diferenciado com atendimento integrado e articulado do Ministério Público, Defensoria Pública, Poder Judiciário, Conselho Tutelar, Segurança Pública (através das Polícias Civil e Militar e Guarda Metropolitana), Saúde, Desenvolvimento Social, Educação, Esporte e Cultura e outros parceiros necessários ao acolhimento e direcionamento  de adolescentes em conflito com a lei. Todos estes serviços atuarão com um protocolo de cooperação para que procedimentos essenciais para maior garantia da qualidade do atendimento dentro do NAI.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.