21°C 30°C
Palmas, TO

Sob Bolsonaro, caminhoneiros têm maior empregabilidade desde 2016

Categoria cresceu 14% no mandato do atual presidente

13/09/2021 às 12h22
Por: Edson Gilmar Fonte: Brasil Econômico
Compartilhe:
 Caminhoneiros durante manifestação – Foto: Reprodução/Agência O Globo
Caminhoneiros durante manifestação – Foto: Reprodução/Agência O Globo

Mesmo ameaçando paralisação, a categoria dos caminhoneiros não tem do que reclamar. Sob o mandato do presidente Jair Bolsonaro e em meio a um desemprego de 14,6%, a categoria soma 986,8 mil trabalhadores, sendo que cresceu 14% em 2019, primeiro ano de mandato do atual presidente. 

O número é o maior da série histórica iniciada em 2016, informa o portal Metrópoles segundo dados do Novo Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Novo Caged).

No último ano de mandato do presidente Michel Temer eram 866,6 mil caminhoneiros. Os números incluem motoristas e operadores de caminhão, além de caminhoneiros autônomos, todos com carteira assinada.

Do contingente atual, a maioria (97,5%) é de motoristas de caminhão. O restante é representado por caminhoneiros autônomos (1,4%) e operadores de caminhão (1,1%).

Continua após a publicidade
Anúncio
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Palmas, TO
26°
Parcialmente nublado

Mín. 21° Máx. 30°

28° Sensação
1.54km/h Vento
78% Umidade
91% (10.7mm) Chance de chuva
06h16 Nascer do sol
06h37 Pôr do sol
Dom 32° 21°
Seg 31° 22°
Ter 32° 22°
Qua 28° 22°
Qui 31° 22°
Atualizado às 22h15
Publicidade
Publicidade
Economia
Dólar
R$ 5,00 0,00%
Euro
R$ 5,41 +0,13%
Peso Argentino
R$ 0,01 -0,59%
Bitcoin
R$ 274,135,43 +1,46%
Ibovespa
129,418,73 pts -0.63%
Publicidade