Saturday, 23 de October de 2021
31°

Nuvens esparsas

Palmas - TO

Direitos Humanos EVENTO VIRTUAL

Abertas inscrições para primeira edição da Campanha Estadual de Educação em Direitos Humanos

Evento promovido pelo Conselho Estadual de Defesa dos Direitos Humanos (CDDH), ligado à Seciju, ocorrerá no dia 7 de outubro pelo Youtube

24/09/2021 às 09h25
Por: Nathaly Guimarães Fonte: DICOM/ Seciju
Compartilhe:
 Palestrantes do evento abordarão a liberdade de expressão e discurso de ódio, na perspectiva dos Direitos Humanos - Créditos: Naab Thalys/Governo do Tocantins
Palestrantes do evento abordarão a liberdade de expressão e discurso de ódio, na perspectiva dos Direitos Humanos - Créditos: Naab Thalys/Governo do Tocantins

A Secretaria de Estado da Cidadania e Justiça (Seciju) divulga a abertura das inscrições para a 1ª Edição da Campanha Estadual de Educação em Direitos Humanos, promovida pelo Conselho Estadual de Defesa dos Direitos Humanos (CEDDH), entidade ligada à Pasta, com o tema “Direitos Humanos: Liberdade de expressão e Discurso de Ódio”. A mesa redonda online ocorrerá no dia 7 de outubro, das 9h às 11h, pelo Youtube da Pró-Reitoria de Extensão da Universidade Estadual do Tocantins (Unitins). Para se inscrever, clique aqui.

Conforme deliberação do CEDDH, a Campanha contará com sete edições, abordando temáticas como liberdade de expressão e discurso de ódio; intolerância religiosa; combate ao racismo; direitos das mulheres; direitos ambientais; combate a LGBTQIA+FOBIA e preconceito geracional contra crianças, adolescentes e idosos.

O presidente do Conselho, Deocleciano Gomes, explica como se deu a idealização da Campanha pelos conselheiros e sua importância. “Nós percebemos nos últimos tempos, sobretudo nas redes sociais, discussões muito acirradas nos grupos familiares, amigos e trabalho, com discurso de ódio, onde as pessoas têm sido cada vez mais intolerantes em diversos assuntos. Por isso, vislumbramos a necessidade desta Campanha como alerta para combater o discurso de ódio e não aceitar a intolerância de quaisquer tipos”, afirma.

Para a diretora de Direitos Humanos da Seciju, Sabrina Ribeiro, o evento é de suma importância para a sociedade, pois abordará diversas temáticas que devem ser tratadas de forma mais aprofundada. “Os direitos humanos fazem parte da Constituição Federal de 1988 e, infelizmente, ainda hoje vemos violações de direitos humanos sendo cometidas, por isso é louvável se faz necessária esta Campanha para auxiliar na ampliação de orientações e informações sobre o combate ao preconceito e intolerância”, frisou a gestora.

Nesta 1ª Edição, são convidados para a mesa redonda o jornalista Cleber Toledo, a coordenadora da área de desigualdades e Identidades no Head Researc Fernanda Martins de Sousa a professora do Curso de Relações Internacionais pela Universidade Federal do Tocantins, Gleys Ially Ramos, com mediação da jornalista Maju Cotrim.

O evento é voltado para estudantes, profissionais da educação e comunicação, servidores públicos, sociedade civil e população em geral.

Conselho

O CEDDH é um órgão de caráter permanente e deliberativo, composto por membros representantes do Poder Executivo, da sociedade civil e de entidades não-governamentais ligadas aos Direitos Humanos. É vinculado à Secretaria de Estado da Cidadania e Justiça, pela Lei vigente nº 1.946, de 4 de julho de 2008, com a finalidade de elaborar, coordenar e fiscalizar a política estadual de direitos humanos.

Conforme o ato de posse n° 1.245 publicado em Diário Oficial, o Conselho é formado por representantes da Seciju; Secretaria do Trabalho e Desenvolvimento Social; Secretaria da Educação, Juventude e Esportes; Secretaria da Saúde; Universidade Estadual do Tocantins; Secretaria da Segurança Pública; Procuradoria-Geral do Estado; Ministério Público Estadual; Defensoria Pública do Estado do Tocantins; Associação de Desenvolvimento de Preservação dos Rios Araguaia e Tocantins; Associação Brasileira de Enfermagem; Comissão Pastoral da Terra; Centro de Direitos Humanos de Cristalândia ; Conselho Regional de Serviço Social, 25ª Região; Centro de Defesa dos Direitos da Criança e do Adolescente Glória de Ivone; Movimento de Reintegração das Pessoas Atingidas pela Hanseníase; Ordem dos Advogados do Brasil - Seccional Tocantins; e União Brasileira de Educação e Ensino.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.