Saturday, 23 de October de 2021
29°

Nuvens esparsas

Palmas - TO

Polícia PRESA EM FLAGRANTE

GMP de Palmas é acionada para atender ocorrência de som alto e acaba prendendo mulher por tráfico

A ocorrência contou com o apoio da ROMU e a mulher se recusou a baixar o volume do som e passou a desacatar os patrulheiros e acabou sendo detida. No interior do imóvel foi encontrado drogas.

11/10/2021 às 10h24 Atualizada em 11/10/2021 às 11h33
Por: Alessandro Ferreira Fonte: Redação | Agência Tocantins
Compartilhe:
Pé de maconha sendo cultivado na residência e porções da substância análoga ao crack encontrados no interior do imóvel – Foto: Divulgação / GMP
Pé de maconha sendo cultivado na residência e porções da substância análoga ao crack encontrados no interior do imóvel – Foto: Divulgação / GMP

Na madrugada desta segunda-feira (11), uma equipe de patrulheiros da Guarda Metropolitana de Palmas – GMP foi acionada via SIOP para atender uma ocorrência de perturbação do sossego em uma residência localizada no Jardim Aureny III, na região sul de Palmas.

De acordo com informações apuradas pela reportagem da Agência Tocantins, ao comparecer ao local, a equipe de patrulheiros constatou a veracidade da denúncia e em contato com a responsável pelo imóvel foi solicitado que a mesma abaixasse o volume do som, porém, a mulher que não teve o nome divulgado, se recusou a obedecer a ordem da Guarda Municipal, passando a proferir palavras de baixo calão contra a equipe da GMP, desse modo, a mulher foi detida por desacato a autoridade.

Em ato contínuo, a equipe de patrulheiros realizou uma busca minuciosa na residência e encontrou várias porções da substância análoga ao crack, maconha e um pé de maconha (planta nativa Canabis) sendo cultivada em um vaso no quintal da residência.

De acordo com os patrulheiros da GMP, outras pessoas que estavam no interior do imóvel, tentaram coagir os patrulheiros com o intuito de impedir que a responsável pelo imóvel fosse conduzida para a delegacia, diante da situação, a equipe da GMP solicitou apoio da equipe da Ronda Ostensiva Municipal – ROMU e deu continuidade aos procedimentos.

Após ser detida, a mulher foi conduzida para a delegacia da Polícia Civil juntamente com todos os objetos ilícitos e apresentados à autoridade policial.

Na delegacia, a mulher foi autuada em flagrante pelos crimes de desacato a autoridade e tráfico de drogas. Após e realização dos procedimentos legais cabíveis, ela foi colocada à disposição do poder judiciário na carceragem da Unidade Penal Feminina de Palmas – UPFP.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.