Saturday, 22 de January de 2022
28°

Trovoada

Palmas - TO

Cidades ABREULÂNDIA TO

Secretaria de Assistência Social de Abreulândia realiza ação da campanha do Novembro Preto

O tema deste mês é voltado para a conscientização e prevenção ao racismo

25/11/2021 às 13h14
Por: Edson Gilmar Fonte: Ascom
Compartilhe:
Evento aconteceu no CRAS de Abreulândia - Foto: Ascom/Divulgação
Evento aconteceu no CRAS de Abreulândia - Foto: Ascom/Divulgação

A Secretaria Municipal de Assistência Social, por meio da Prefeitura Municipal, realizou nesta terça-feira, 23 de novembro, a ação do Novembro Preto, mês de conscientização e prevenção ao racismo. O tema da Campanha deste ano é Menos preconceito, Mais amor. A ação foi realizada com as famílias do PAIF - Programa de Proteção Integral a Família.

Segundo uma das responsáveis pela ação, o objetivo foi conscientizar as crianças sobre a importância do respeito às diferenças e a conscientização da igualdade humana. Também teve foco em mostrar que a cor da pele não torna ninguém diferente, e o que define o ser humano é o caráter e a responsabilidade naquilo que nós fazemos dentro da nossa família, no trabalho e na comunidade.

No Brasil, o dia da Consciência Negra é comemorado no dia 20 de novembro. Essa data foi instituída oficialmente pela lei n° 12.529, de 10 de novembro de 2011, que faz referência ao dia em que foi morto Zumbi, o líder do Quilombo dos Palmares, em 1695. O líder se tornou um símbolo de resistência para a cultura negra.

Crianças participaram do Novembro Negro - Foto: Ascom/Divulgação
Crianças participaram do Novembro Negro - Foto: Ascom/Divulgação 

“O racismo e o preconceito não podem existir, por isso temos que trabalhar com as crianças o amor e o respeito para quando chegar à idade adulta saiba respeitar e aceitar as pessoas como elas são, não importando sua opção sexual, cor e religião”, afirmou a pedagoga do CRAS, Patrícia Pontes.

A programação aconteceu nos períodos da manhã e da tarde com palestras sobre o tema, desfile da Beleza Negra, capoeira e um finalizou com um coffee break para os participantes.

As palestras ficaram por conta da assistente social, Íris Martins, e da psicóloga da Assistência, Priscylla Pinheiro, que abordaram o

racismo em todas as suas formas; raça, cor, gênero, religião e deficiência física.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.