21°C 30°C
Palmas, TO

Agroextrativistas tocantinenses comemoram as vendas e negociações comerciais no X Encontro e Feira dos Povos do Cerrado em Brasília

Encontro nacional, integrando as comunidades tradicionais, expositores e agricultores familiares de todas as regiões do país, encerra neste sábado, 16

15/09/2023 às 19h05 Atualizada em 15/09/2023 às 19h29
Por: Redação Fonte: Redação / Agência Tocantins
Compartilhe:
Feira dos agroextrativistas superam todas expectativas - Foto: Jeferson Nascimento/Governo do Tocantins
Feira dos agroextrativistas superam todas expectativas - Foto: Jeferson Nascimento/Governo do Tocantins

Nesta sexta-feira, 15, penúltimo dia do evento, os expositores agroextrativistas do Tocantins comemoram afirmando a superação da expectativa nas vendas e negociações comerciais dos produtos de frutos naturais do cerrado e a integração social das diversas comunidades presentes, no X Encontro e Feira do Cerrado, em Brasília. O encontro nacional, integrando as comunidades tradicionais, expositores, agricultores familiares de todas as regiões do país encerra neste sábado, 16.

A exemplo da expositora Simone Aparecida, de Palmas, que afirma estar contente com a sua participação na feira, nestes dias. “Superei as expectativas, até esta quinta-feira consegui vender em torno de R$ 5 mil de produtos de biojoias do capim dourado. Além de ter fechado negócios futuros para confecção de 600 peças para lojistas de Brasília, entre outras negociações”, manifestou.

Vaneci Alves Porto, um dos expositores de Arraias, expôs a famosa paçoca da região Sudeste do Tocantins, e disse que as vendas foram um sucesso, até esta quinta-feira, 14.

“Estou surpreso com esta feira, pois a procura pela paçoca foi muito grande, consegui vender todos os potes e, as pessoas procurando, mais já acabou, isso mostra a força dos produtos naturais que são bem aceitos no mercado consumidor”, enfatizou.

Outra superação de vendas é Aurilene Lourenço, da Associação dos Agricultores Familiares e Agroindustriais de Palmas. Ela expôs a farinha de pequi, sendo uma novidade para muitas pessoas que ainda não conheciam o produto, apesar de já conhecerem o fruto. “Teve muitos visitantes interessados na farinha do pequi, consegui vender tudo e, muitos contatos para posteriores negociações, o que nos deixa ainda mais animados com essas iniciativas, projetando o Tocantins além das fronteiras, buscando a geração de renda e a melhoria de vida para as comunidades rurais”, almejou.

Comitiva

Continua após a publicidade
Anúncio

A engenheira agrônoma e responsável pela comitiva tocantinense no evento, Francisca Marta Barbosa, destaca a exposição dos agroextrativistas na feira. “O Tocantins registrou uma marca histórica nesse Encontro, pois trouxe uma das maiores comitiva, mostrando a força e potencial que possui neste segmento de produção de produtos sustentáveis do cerrado. Além das boas vendas tiveram a oportunidades de fazer os contatos com as diversas cadeias produtivas de produção, abrindo espaço ainda mais para geração de renda para milhares de pessoas no Estado”, detalhou.

A engenheira disse ainda que, “esse contato com diversos povos conta muito para uma integração maior, na busca pela produção diversificada, baseada nos preceitos econômico, social e ambiental”, complementou.

Agroextrativistas tocantinenses comemoram as vendas e negociações comerciais no X Encontro e Feira dos Povos do Cerrado em Brasília
A engenheira agrônoma e responsável pela comitiva tocantinense no evento, Francisca Marta Barbosa, destaca a exposição dos agroextrativistas na feira - Foto: Jeferson Nascimento/Governo do Tocantins
Agroextrativistas tocantinenses comemoram as vendas e negociações comerciais no X Encontro e Feira dos Povos do Cerrado em Brasília
Expositora Auriele diz estar contente com a participação na feira - Foto: Jeferson Nascimento/Governo do Tocantins
Agroextrativistas tocantinenses comemoram as vendas e negociações comerciais no X Encontro e Feira dos Povos do Cerrado em Brasília
Expositor Vaneci vendeu todos seus produtos - Foto: Jeferson Nascimento/Governo do Tocantins
Agroextrativistas tocantinenses comemoram as vendas e negociações comerciais no X Encontro e Feira dos Povos do Cerrado em Brasília
Simone Aparecida diz que, além das vendas conseguiu novos contatos comerciais - Foto: Jeferson Nascimento/Governo do Tocantins
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Palmas, TO
29°
Tempo nublado

Mín. 21° Máx. 30°

33° Sensação
4.63km/h Vento
70% Umidade
91% (10.7mm) Chance de chuva
06h16 Nascer do sol
06h37 Pôr do sol
Dom 32° 21°
Seg 31° 22°
Ter 32° 22°
Qua 28° 22°
Qui 31° 22°
Atualizado às 13h13
Publicidade
Publicidade
Economia
Dólar
R$ 5,00 0,00%
Euro
R$ 5,41 +0,13%
Peso Argentino
R$ 0,01 -0,59%
Bitcoin
R$ 273,143,05 +1,09%
Ibovespa
129,418,73 pts -0.63%
Publicidade