21°C 30°C
Palmas, TO

Detento é encontrado morto em presídio na capital; caso foi registrado na última sexta-feira, 24

O corpo do interno foi encontrado pendurado por uma corda confeccionada com pedaços da bermuda que ele estava vestido conhecida como “Tereza”.

26/11/2023 às 20h10 Atualizada em 26/11/2023 às 22h04
Por: Redação Fonte: Ceila Menezes / Dicom Unitins
Compartilhe:
O interno estava recolhido na carceragem da Unidade Prisional Regional de Palmas após ter sido preso por porte ilegal de arma fogo — Foto: Alessandro Ferreira Agência Tocantins
O interno estava recolhido na carceragem da Unidade Prisional Regional de Palmas após ter sido preso por porte ilegal de arma fogo — Foto: Alessandro Ferreira Agência Tocantins

Um interno que estava recolhido na carceragem da Unidade Prisional Regional de Palmas (UPRP) foi encontrado morto dentro de uma das celas. O corpo do reeducando,identificado como Evilasio Pereira Batista, 45 anos, foi encontrado pendurado por uma corda artesanal confeccionada com pedaços de tecido do próprio short que ele estava usando.  A corda artesanal é feita pelos próprios presos e é conhecida como “Tereza”.

O corpo do reeducando foi encontrado por volta das 07h40, da última sexta-feira, 24, pelos policiais penais que estavam no plantão durante procedimento de revista e entrega do café da manhã. 

Após encontrar o interno pendurado, o chefe de plantão da unidade, acionou os paramédicos do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência – SAMU que ao comparecer na unidade apenas confirmaram o óbito.

A perícia da Polícia Técnica Científica foi chamada e após a realização dos procedimentos periciais, removeu o corpo para a sede do Instituto Médico Legal – IML pelo rabecão da Polícia Civil.

Continua após a publicidade
Anúncio

Investigadores da 1ª Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa – 1ª DHPP estiveram no presídio, porém como não havia indícios de morte violenta, eles apenas acompanharam os trabalhos da perícia da polícia técnica científica. Um Processo Administrativo Disciplinar (PAD) deverá ser aberto pela Superintendência do Sistema Penitenciário para apurar o que teria acontecido com o detento dentro da cela.

Informações obtidas com exclusividade pela Agência Tocantins, dão contado que o reeducando estava recolhido na Unidade Prisional Regional de Palmas (UPRP), após ter sido preso pelo crime de porte ilegal de arma de fogo.

Ainda segundo informações obtidas pela reportagem, na noite anterior, o interno havia pedido para os agentes de plantão mudar ele de cela, pois ele estava sendo ameaçado de morte pelos outros reeducandos, o que foi providenciado de imediato pelos policiais penais que o colocaram  Evilasio Pereira Batista sozinho na cela de triagem.

Já nas primeiras horas da manhã de sexta-feira, 24, o interno foi encontrado já sem os sinais vitais pendurado por uma corda confeccionada com tiras de pano da própria bermuda que ele estava vestindo.

A reportagem da Agência Tocantins solicitou informações sobre as circunstâncias da morte do preso para a Secretaria da Cidadania e Justiça (SECIJU), pasta responsável pela administração do Sistema Penitenciário do Estado, porém, até a publicação desta reportagem, a direção da pasta não havia respondido a nossa solicitação.

 

 

Participe da comunidade da Agência Tocantins no WhatsApp e receba as notícias no celular.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Palmas, TO
26°
Parcialmente nublado

Mín. 21° Máx. 30°

28° Sensação
1.54km/h Vento
78% Umidade
91% (10.7mm) Chance de chuva
06h16 Nascer do sol
06h37 Pôr do sol
Dom 32° 21°
Seg 31° 22°
Ter 32° 22°
Qua 28° 22°
Qui 31° 22°
Atualizado às 22h15
Publicidade
Publicidade
Economia
Dólar
R$ 5,00 0,00%
Euro
R$ 5,41 +0,13%
Peso Argentino
R$ 0,01 -0,59%
Bitcoin
R$ 274,135,43 +1,46%
Ibovespa
129,418,73 pts -0.63%
Publicidade