23°C 33°C
Palmas, TO
Publicidade

Governo do Tocantins participa do 1º Festival do Buriti na região central do Estado

Evento ocorre nos dias 23 e 24 de fevereiro, na feira coberta de Divinópolis

22/02/2024 às 11h00
Por: Redação Fonte: Secom Tocantins
Compartilhe:
Governo do Tocantins incentiva a produção agroextrativista sustentável dos diversos frutos do cerrado - Foto: Arquivo/Governo do Tocantins
Governo do Tocantins incentiva a produção agroextrativista sustentável dos diversos frutos do cerrado - Foto: Arquivo/Governo do Tocantins

O Governo do Tocantins, por meio da Secretaria da Agricultura e Pecuária (Seagro), participa do 1º Festival do Buriti e Feira Agrocultural, em Divinópolis do Tocantins, região central do Estado. O evento será realizado nos dias 23 e 24 de fevereiro, na feira coberta da cidade. O Buriti é uma das cadeias produtivas agroextrativista do cerrado tocantinense.

De acordo com a engenheira agrônoma da Seagro, Francisca Marta Barbosa, este primeiro festival do Buriti, na região da Área de Preservação Ambiental (APA) Cantão, no município de Divinópolis tem como objetivo primordial fortalecer o agroextrativismo na agricultura familiar no Tocantins. “E a partir disso gerar renda e organização das mulheres agroextrativistas, com seus produtos das cadeias de valores, com isso apresentar estes produtos para comercialização. É um festival para integração, palestras e incentivos focados nas vendas, inclusive para o Programa de Aquisição de Alimentos (PAA)”, explicou.

“O Governo do Tocantins vem incentivando esta atividade. Além da cadeia do buriti, fortalece a cadeias de outros produtos agroextrativistas para promover e garantir a sustentabilidade das mulheres agroextrativistas da APA Cantão e Jalapão, por meio das exposições e comercialização de seus produtos, como o buriti, mangaba, baru, artesanato de capim-dourado, entre outros, e assim divulgar esses produtos advindos da rica biodiversidade do cerrado e garantindo renda”, complementou a engenheira agrônoma, Francisca Marta.

Fruto

O buriti é uma das plantas símbolo do Cerrado e sua diversidade de usos tornou-o conhecido como aÁrvore da Vida. Além de fornecer matéria-prima para remédios, alimento, artesanato e abrigo, o buriti desempenha um papel importante para a manutenção de nascentes e cursos d’água no Cerrado, sendo assim fundamental para o ecossistema e para as populações que nele vivem. A polpa extraída do fruto do buriti é um produto amplamente comercializado e consumido pelas populações rurais e urbanas em grande parte do país.

O sabor exótico do buriti está ganhando cada vez mais espaço em sorveterias nas grandes cidades, apontando para um mercado promissor que exigirá cada vez mais organização das comunidades produtivas e também atenção dos gestores públicos para a viabilização da atividade extrativista.

Parceiros

Seagro, Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (Senar), prefeitura municipal de Divinópolis, Serviço de Apoio às Pequenas e Micro Empresas (Sebrae) e APA Cantão.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Palmas, TO
29°
Tempestades

Mín. 23° Máx. 33°

33° Sensação
6.69km/h Vento
70% Umidade
100% (1.24mm) Chance de chuva
06h16 Nascer do sol
06h10 Pôr do sol
Sáb 31° 23°
Dom 30° 23°
Seg 31° 22°
Ter 32° 23°
Qua 32° 23°
Atualizado às 16h06
Publicidade
Economia
Dólar
R$ 5,12 +0,56%
Euro
R$ 5,45 -0,24%
Peso Argentino
R$ 0,01 +0,10%
Bitcoin
R$ 365,470,66 -4,16%
Ibovespa
125,894,04 pts -1.18%
Publicidade